Resumo de Os Dez Mandamentos de Sexta-feira 06/11/15

Resumo da novela Os Dez Mandamentos de Sexta-feira, 06/11/2015 – Capítulo 165

Com expressão de derrota, Ramsés observa os hebreus deixarem a cidade. Radina afirma que deixará o palácio e se despede de Karoma. Arrasado pela morte do filho, Ramsés volta para a sala do trono. Radina pega a joia que ganhou de Henutmire e segue em sua missão. Liderados por Moisés, os hebreus deixam a cidade em uma grande massa de pessoas. Radina deixa o palácio. Moisés e Arão discursam para o povo. Mesmo com o sofrimento da perda de Uri, Bezalel, Leila e Hur se abraçam felizes pela liberdade. Radina, com seus pertences, entra na multidão de hebreus. Carroças, animais, plantas, joias, ouro, sacos de mantimentos e muitos outros objetos são levados com os escravos. Em conversa com o faraó, Paser avisa que Simut deixou o Egito com os hebreus. Ramsés lembra de Amenhotep e se emociona. O sumo sacerdote pede para o rei entender a verdadeira intenção de Ikeni. A multidão de hebreus começa a atravessar o deserto. Radina encontra com Gahiji e Simut no meio do povo. Bezalel lamenta a perda do pai. Safira se surpreende com a quantidade de hebreus na caminhada. Apuki e Jairo a reconhecem da Casa de Senet e sorriem para ela. Enciumado, Datã segura no braço da esposa e cobra satisfação. Safira diz que nunca se deitou com outro homem e, magoada, pede para ele se afastar.

Comentários